22 de março de 2013

apesar de tudo ela sempre nos surpreende

Apesar da minha filha ser uma chata e de fazer birras e de parecer ter molas no rabo quando está à mesa, de nos fugir e de fazer tudo o que é suposto que uma criança de 3 anos faça, há dias em que ela também nos surpreende pela positiva. Da mesma maneira que eu reclamo da minha mais velha, também me parece mais do que justo fazer-lhe uma festinha quando ela se porta bem, e isso às vezes acontece :D
Deixa-me orgulhosa quando estamos fora de casa, num restaurante com companhia de amigos, quando a nossa filha nos pergunta se pode sair da mesa posso sair da mesa, posso, posso?. Deixa-me orgulhosa quando em casa de amigos nos pergunta se pode ir brincar para o quarto do amiguinho e sair da nossa vista. Deixa-me orgulhosa quando ela me pergunta se em casa de outros, pode tirar os sapatos. Deixa-me orgulhosa quando na rua ela me dá a mão para atravessar a passadeira sem eu ter que lhe pedir. E diz bom dia, boa tarde, obrigada e até logo a estranhos que lhe dirijam a palavra e que eu a autorizo a responder (sim, normalmente ela olha para mim antes de falar com os outros :)) )
É nestas pequeninas coisas que eu vejo que afinal não é em vão que lhe repetimos 364 mil vezes que ela não pode sair da mesa (em casa), que tem que arrumar os brinquedos (em casa), que não pode fugir na garagem (do nosso prédio) e que mesmo ela desobedecendo SEMPRE, a coisa afinal fica gravada naquela cabecita.
Muito bem!

Só por isso, uma música para ela**

6 comentários:

Inês disse...

:):):):)

Margarida Vilhena disse...

A Leonor é um docinho. Esta é a faceta que sempre conheci, por isso, para mim não é novidade :)

Beijinhos com saudades para a nônô, papás e Vasquinho

sof* disse...

ohh margarida... ainda hoje lá passei, ainda ontem ela falou em vocês.

muitas saudades,
beijinhos nossos***

chadebergamota disse...

E é mesmo para ficarem orgulhosos! Tão fofa...

Anónimo disse...

idem .... quase literalmente.
bjos
daniela
(reb. açid.)

Marta disse...

É tão bom sentir esse orgulho, esse dever cumprido. Parabéns às duas!