27 de março de 2013

De visita ao MMI

Enquanto o pai e a tia estiveram no Mercadito da Carlota, nós fomos ao Museu Marítimo de Ílhavo, um museu municipal inteiramente dedicado à Faina Maior (pesca do bacalhau no atlântico norte), às embarcações da Ria de Aveiro, uma sala com uma linda coleção de conchas e por fim, o recém-inaugurado aquário de bacalhaus. Há cerca de dez anos que não ía a este museu, e devo dizer que além da aquisição do aquário pouco ou nada mudou. As exposições são organizadas e explicadas ao pormenor, o barco visitável no meio da sala principal é muito bom assim como as "maquetes" em tamanho real dos diferentes compartimentos de um bacalhoeiro - dormitório, cozinha, sala de jantar, escritório, salga. A sala dos moliceiros é muito luminosa, contrastando imenso o ambiente escuro anterior, talvez tenha sido por isso que a Leonor gostou bem mais desta zona do que a primeira, a qual vimos sempre a correr!!!


"Mamã, este barco está partido!!" e "Mamã para que serve esta palha?" duas frases dela ao analisar alguns dos moliceiros.

Quando finalmente ela percebeu que estávamos a chegar à zona de "maior interesse" não se calou mais com os peixinhos que haveríamos de ver. Apesar de eu lhe ter explicado que íamos ver Bacalhaus, na cabeça dela íamos ver milhares de espécies coloridas e vibrantes...


O tanque tem uma arquitetura que me agradou, moderna, com rampas suaves, ângulos inesperados e uma iluminação cuidada. Fiquei surpreendida por o ambiente aquático dos peixes ser igualmente modernista, não havendo réplicas de rochas, nem grutas ou vegetação (terá certamente que ver com o ambiente natural).




O número de peixes não era abundante, porém, uma vez que estes ainda são juvenis e ainda têm muito que crescer, lá deverão precisar de mais espaço. Este pormenor foi o causador de uma desilusão na minha menina, ela só dizia "vamos ver os outros peixinhos!!" e apesar de eu explicar que não havia mais do que aqueles, ela só queria seguir em frente e procurá-los, é o que dá ter muitas expectativas, tadita :DDD



Por fim, acabámos a visita numa porta lateral ou traseira do edifício que me deu a sensação de que estaríamos perdidos, eu estava à espera de regressar ao local de partida, mas neste caso isso não se verifica. Saímos e levámos imediatamente com umas rabanadas de vento próprias desta terra e fomos a correr para o carro quentinho.



Por fim acabámos no sítio do costume, a Vista Alegre :)


Museu Marítimo de Ílhavo - adultos 5 €; crianças até aos 5 anos não pagam
Mais informações aqui.

6 comentários:

sofia costa disse...

Vasquinho lindo bolachudo... :D

martabatista.com disse...

ahhhh temos de ir lá :) algo me diz que vou ouvir a mesma frase acerca dos "mais peixinhos"...
tão fofa a foto do Vasco :D

Marta disse...

Não conheço! Parece um bom programa.
Os teus pequenos estão mesmo fofos :)

Maria João disse...

Olha, olha! Praí há dez anos, mesmo! :)

Marlene, Simão e Martim disse...

Adoro ir a Aveiro mas não conheço este Museu. Numa próxima visita não me escapa.

**SOFIA** disse...

em Aveiro há coisas giras para fazer e visitar, estão agendadas as idas ao Museu do Brincar em Vagos e ao Museu da Arte Nova em Aveiro, este último não tão apelativo às crianças, mas lá havemos de arranjar uma interpretação adequada :))