27 de outubro de 2010

A felicidade alheia

Eu, por vezes, tenho o privilégio de me serem confiadas lindas tarefas. Garanto-vos que não há nada mais prazeroso do que registar a felicidade alheia.
Tudo de bom, amigos!

3 comentários:

R. disse...

E que bem que as desempenhas!!!!!

Linda a foto e, claro, lindos os (nossos) noivos!

AP disse...

O privilégio é de quem fica com fotos tão fabulosas como estas. Isso sim!! Muito, muito obrigado! MESMO!

ines disse...

De facto é muito bom, por um lado, assistir à felicidade dos nossos amigos e ficarmos felizes por isso, e por outro lado, vermos esses momentos tão bem registados! O teu trabalho é muito bom, recomendo vivamente!