21 de junho de 2010

Pequenas considerações

Confesso que até tive pena dos norte-coreanos, taditos que até ficaram com os olhos em bico!
Foi mesmo fixe ouvir o relato, não fui para nenhum lado com TV, andei pelas ruas e depois fui para uma esplanada sossegada com o meu radiozinho de pilhas. O fim do jogo já o ouvi no escritório e claro está que ninguém activou os neurónios até o apito final soar. Somos mesmo produtivos.... :D

Esta manhã saí de casa desconhecendo o paradeiro da minha chave, fiquei pensativa... Mais tarde soube que ela tinha passado a noite do lado de fora da porta e que qualquer um poderia ter entrado cá em casa durante a noite. Curioso foi eu ter saído de casa, fechado a porta e não a ter visto pendurada!!!!

Esta tarde quando voltei do trabalho vi uma chave pendurada na porta da rua, do lado de fora... desta vez era a chave dele que ficou esquecida quando foi buscar a rapariga à creche.

E ainda dizem que isso das almas gémeas não existe.
Blahhhhh!

E agora a sugestão musical para o início da Silly Season: "Baile de Verão" - José Malhoa

Dá-lhe!!!!!


Nota: aceitam-se sugestões para o melhor método de cortar as unhas à miúda, ela não colabora NADA!!!

7 comentários:

Ana disse...

Confesso, também, que tive "pena" dos norte-coreanos. Ainda por cima por serem do país q são.....

Em relação às unhas.... corto sempre qd está a comer. Principalmente a beber o leite. Está mais sossegada. A dormir nunca experimentei mas poderá ser uma hipótese.

Kisses

ines disse...

Qualquer dia é a Leonor a esquecer a chave também... quem sai aos seus não degenera!

MarianaS disse...

Cortar as unhas: a dormir era sempre a minha primeira hipótese.
desde q isso se tornou impossível, corto sempre a seguir ao banho (estão mais molinhas) e faço uma festa depois de acabar cada uma das mãos. A seguir, qd ela começou a achar mais piada, deixo-a segurar na tesoura e fingir que tb está a cortar as minhas unhas...
Boa sorte!

Marta Mourão disse...

Cortar as unhas a dormir não que tenho medo que o bicho acorde :)
Eu para o sossegar canto-lhe uma música enquanto corto as unhas. Ele fica paradinho e atento. É isso ou então fica petrificado com a minha voz desafinada :D

Tica disse...

já percebi que não preciso tocar à campainha

martabatista.com disse...

cortar as unhas também é tarefa difícil por aqui.. normalmente é quando ela está num sono profundo à tarde... ou então distraída com um sapato numa das mãos enquanto cortamos da outra... o pediatra ensinou a técnica para pelo menos não mexer a mão que está a ser "manicurada" - fecha-se a mão do bébé com a nossa destapando com o nosso indicador e polegar apenas o dedo a ser tesourado (não sei se esta descrição é clara mas é a que me ocorre)

ah... e prepara-te que qualquer dia há-de ser a Leonor a esconder a chave num balde ou num buraco de um móvel... :D

karu disse...

Depois do banho e durante o leite! :)