25 de julho de 2011

Medo

Sem querer generalizar, cada vez tenho mais medo de:

- pessoas amigas do seu amigo
- pessoas tranquilas
- pessoas muito devotas
- pessoas com ar de "boa pessoa"

Se isto tivesse acontecido em Portugal a pena seria apenas 25 anos (corrijam-me se eu estiver enganada). Estou para ver o desfecho na Noruega.
E criam uns pais um filho para isto... 

3 comentários:

Anónimo disse...

é por isso ke eu tenho pavor de tanta perfeição pelos blogs..e criticamme pk n me dou a conhecer ..

Marta disse...

É que nunca têm cara de atrofiados.

chadebergamota disse...

medo, incredulidade, incompreensão, tristeza... na verdade nenhuma palavra chega. não sendo devota de nenhuma religião, só me ocorre dizer "deus nos livre e guarde" de devoções fanáticas, verdades supremas e posições autistas.