2 de julho de 2012

últimos retoques

Deito-me à noite e após um dia inteiro de contrações sem piada nenhuma, concentro-me nas dores maiores que podem ocorrer a qualquer momento. Passa mais uma noite sem nada acontecer. Chega o dia e aproveito para ver a minha checklist, que remédio....

- retocar a depilação
- olhar novamente para a(s) mala(s)
- tratar da manicure (desfazê-la...)
- deixar as gavetas dela o mais arrumadas possível
- tirar o pó da baby-coque
- fazer uns pagamentos
- pesquisar o presente de aniversário dela
- orientar o caos doméstico mais uma vez
- ir ao cursinho de pré-parto
- praguejar pela milésima vez contra a ciática
- esperar que venham as dores a sério

5 comentários:

martabatista.com disse...

VAAAAASCO, a mãe já foi à praia! Podes vir que estão todos à espera :)

Marta disse...

Esta espera...
Está quase, quase!
Acrescenta na lista: dormir a sesta para ganhar stock de horas de sono.

maria inês disse...

almost 37 and counting. percebo-te bem...

Aline disse...

A minha irmã espera como tu a qualquer momento, porque acha que o bebé vai nascer às 38 semanas.
Ao contrário de ti, espero que as tuas dores não sejam muito fortes e que sejam bem suportáveis. Aliás, é coisa que esquecemos depressa, de tão grande é a alegria que vem depois.
Obrigada pelo(s) teus(s) testemunho(s). Os do teu blog também contam. és uma motivação para mães cheias de dúvidas.
Beijinhos grandes Sofia. que o próximo post seja para dizer que nasceu e que correu tudo bem.

sof* disse...

Aline: desejo à tua mana o que desejo para mim - rapidez e eficácia! vai correr tudo pelo melhor, verás!