1 de abril de 2011

Junta os pés! - a verdadeira história!!

Quem me conhece, assim de carne e osso, achou esquisito o post anterior, uns pronunciaram-se, outros interrogaram-me, outros permaneceram no silêncio.
Pois que o efeito "dia 1 de Abril" baixou em mim, e apeteceu-me transformar um inocente post de ballet em algo mais elaborado. Faz de conta que eu sou uma pessoa com imeeeeeeensa pena de nunca ter praticado ballet e toca a forçar uma criança de 19 meses e meio a ir já para as aulas.
Eu de facto gosto imenso do ballet, e um dia, talvez para o ano, sou capaz de experimentar matricular a rapariga numa escola, mas já, já não :)
Este post só vem provar que estou rodeada de pessoas bem educadas e que não me vieram logo atirar com pedras por eu estar a forçar a miúda, e que sou uma frustrada, e lá lá lá.
Espero que quem achou que isto era verdade, não fique ofendido, era só uma brincadeirazinha ;))

9 comentários:

Marta disse...

Ohh!
Caí que nem um patinho!
:D

**SOFIA** disse...

ninguém leva a mal, é 1 de abriiiiiiiiiilll

mas olha que fiquei de coração apertadito por terem acreditado.

muitos beijinhos às minhas vítimas****



para o ano há mais :P

Marta disse...

Para o ano já não me apanhas!
Já sei o que a casa gasta ;)
Beijinhos

ines disse...

Bem me pareceu estranho, mas nem pensei nessa hipótese, estava a milhas!

Madame Pirulitos disse...

Ahahahaha. Eu devia ter começado a ler o post de cima! Vim aqui já depois de saber e mesmo assim não desconfiei. Dá para ver como anda a minha alegre cabecita, né?!

Ora por falar em frustrações, cá por casa ainda só há meninos. E quem me conhece sabe que gostava imenso de ter uma menina. Quando me perguntam "Ah e tal, e se ela sair uma maria rapaz?". A minha resposta, muito politicamente correcta (e então em termos psicológicos nem se fala) é invariavelmente a mesma: "Não sai que eu não deixo"!!!!

MARIA disse...

Ainda bem e muito pequenina mas so pela brincadeira ate talvez gostasse muito

Heidi disse...

LOL!

Tica disse...

Eu por acaso achei estranho o teu post... nada contra o ballet, eu até fui bailarina profissional...
mas sim, nesta área há pessoas que não deviam ensinar e há idades próprias para todas as fases do ballet / crescimento corporal, o problema é quando as professoras não respeitam isso...

R. disse...

Lindo!!!! Caí que nem uma pata :D

De facto estranhei que houvesse oferta de ballet para uma criança tão pequenina, mas...quem sou eu para questionar as opções dos pais na educação dos filhos - isto é tão difícil que só julga mesmo quem não os tem!

beijinhos